Cronobiologia, alimente-se seguindo os ritmos do corpo

cronobiologia
cronobiologia

Nos últimos anos a medicina convencional esta começando a estudar de forma mais profunda os ritmos do nosso corpo, e daí surgiu um novo campo de conhecimento chamado Cronobiologia.

Ritmos circadianos

Esta nova ciência estuda como nosso corpo libera diversas substancias, principalmente os hormônios e neurotransmissores.

Este conhecimento, já esta nos permitindo, por exemplo, usar alguns medicamentos que sabemos ter melhor ações em determinadas horas do dia.

Cronobiologia e a Alimentação

Mas gostaria de abordar o uso dos ritmos circadianos com respeito à alimentação. Como ao acordar nosso nível de glicose costuma estar baixo, devemos ter um café da manhã bem completo, com carboidratos integrais e proteína magra, para acelerarmos o metabolismo, fato este que vai ser facilitado pelos níveis de cortisol e adrenalina que devem estar altos.

Ativando o metabolismo pela manhã

Com isso damos arranque em nosso motor metabólico, que vai nos manter gastando um pouco mais de energia e ajudando no emagrecimento. Quando não procedemos desta forma, o metabolismo costuma entrar no seu modo de economia, para gastar menos calorias, e pode levar ao excesso de peso em algum momento da vida.

Um cuidado importante é fazer o desejum logo ao levantar, pois com as reservas de glicose em baixa, o corpo começa a quebrar músculos para gerar energia.

Adrenalina e Cortisol são mais elevados ao acordarmos

Também não é aconselhável qualquer exercício antes de se alimentar. Na realidade a prática de exercícios vigorosos no período da manhã parece ser inadequada, pois nesta fase do dia com a adrenalina já um pouco mais alta, uma sobrecarga desta pode precipitar eventos cardiovasculares em pessoas predispostas a eles. Isso até certo ponto pode ser confirmado pelas estatísticas que mostram uma incidência maior de episódios cardiovasculares no período da manhã.

Fazer sempre o café da manhã

Voltando à alimentação, estudos mostram que cerca de 80% das pessoas acima do peso não costumam ter um café da manhã adequado, ou normalmente pulam esta refeição. Isso geralmente acontece porque comem muito à noite, principalmente carboidratos, e pela manhã o nível de serotonina não esta suficientemente baixo, para despertar o apetite.

Jantar deve ser mais leve

Para corrigir esta situação, precisamos alterar nosso jantar. Antes disso, temos que saber que ao dormimos, liberamos hormônio de crescimento (GH), que em adultos não faz crescer, mas tem uma importante função, que é usar o tecido gorduroso como fonte de energia quando estamos dormindo.

Isto posto, podemos deduzir que emagrecemos durante o sono, certo? Sim, mas.para que este mecanismo funcione, é necessário que o nível de glicose ao deitarmos esteja baixa e isso só vai ocorrer se limitarmos o uso de carboidratos no período noturno. Nesta condição durante o sono irá acontecer um processo chamado cetose, onde nosso corpo utiliza a gordura para gerar energia, portanto, se você quer emagrecer, não exite em dormir com um pouquinho de fome.

Uma boa regra para a alimentação noturna é: quanto mais cedo e mais frugal for nosso jantar, melhores são nossas chances de termos boa saúde e peso adequado.

Dr. Fabio Pisani

 

** Consultas nas áreas de Ortomolecular e Acupuntura são apenas particulares**

 

Site: www.fabiopisani.med.br

 

Medicina Ortomolecular I Acupuntura Médica I Fitoterapia Chinesa

Título pela AMHB de especialização em Homeopatia em 1990

Título pelo CBA de especialização em Acupuntura em 1993 

CRM 43711

R Dr. Vieira Bueno, 142, Cambuí

Campinas, SP, CEP 13024-040

Fones: (19) 3254-4012 e 3254-0747

E-mail: drfabiopisani@gmail.com

 

Para seguir e curtir, clique abaixo

Medicina Ortomolecular I Acupuntura Médica I Fitoterapia Chinesa
Título pela AMHB de especialização em Homeopatia em 1990
Título pelo CBA de especialização em Acupuntura em 1993
CRM 43711

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Deixe uma resposta

wpDiscuz