Dúvidas Frequentes


Para quem este tipo de tratamento é indicado?

Não existe uma idade determinada para quem deseja iniciar o tratamento.

Como este tratamento, visa otimizar a saúde, serve tanto para as pessoas que querem fazer prevenção, quanto para aquelas que desejam tratar uma doença específica, ou ainda para aquelas que buscam um envelhecimento saudável, com melhora na qualidade de vida.

Como funciona a consulta?

A primeira consulta, dura em torno de 1 hora, e assim como qualquer outra consulta médica, perguntamos sobre seus sinais, sintomas e doenças atuais ou antigas, realiza-se exame físico, e quando necessário solicitamos exames complementares gerais e específicos.

Enfim, é uma consulta clínica geral.

Como minha formação é de base vitalista e integrativa, procuro compreender o paciente como um todo, sua rotina de vida, aspectos emocionais e mentais, relacionamentos, atividade profissional, atividade física, alimentação, enfim, busco saber não apenas qual doença tem nosso paciente, mas sim, que paciente tem determinada doença.

Consultas e retornos

No valor da primeira consulta, está incluído um retorno em até 45 dias.

As demais consultas, são realizadas em média a cada 3 meses, e são pagas, porém, o valor é menor do que a consulta inicial.

Quais custos estão envolvidos com o tratamento?

O preço da consulta, varia de acordo com cada profissional, e depende da duração das consultas, e também da experiência do profissional

Os exames solicitados geralmente são cobertos pelos planos de saúde, porém o mineralograma não costuma ter cobertura pelos convênios médicos

Os medicamentos são manipulados de forma personalizada, de acordo com a necessidade de cada paciente, e seu custo varia de acordo com cada farmácia de manipulação

Quais exames são geralmente solicitados para o diagnóstico?

Para fazermos o diagnóstico, além dos exames laboratoriais de rotina (sangue, fezes e urina), também poderão ser solicitados exames de Imagem (raio X, ultrassom, tomografia, ressonância magnética e termografia), quando necessários.

Também poderá ser solicitado um tipo de exame bem especifico, que é o mineralograma.

O mineralograma nos mostra os minerais que estão em falta, ou excesso no organismo, bem como possíveis intoxicações por metais tóxicos como Chumbo, Alumínio, Mercúrio, Cadmio, Arsênio entre outros, que devem ser eliminados do nosso corpo.

O mineralograma pode ser realizado várias formas: através do sangue, dos fios de cabelo, unhas, pelos pubianos ou por biorressonancia.

Como são feitos os tratamentos?

Os tratamentos são sempre personalizados, e dependendo de cada caso, podem ser feitas reposições de Vitaminas, Sais Minerais, Aminoácidos, Fitonutrientes, Nutracêuticos, Hormônios Bioidênticos, Fitoterápicos, Homeopatia e Acupuntura, de acordo com a necessidade de cada paciente.