Acupuntura e Depressão, Entenda Como Ela Pode Tratar seus Sintomas

Quem já passou por uma depressão, sabe que os tratamentos convencionais ajudam, mas costumam ter vários efeitos indesejáveis.

A acupuntura pode tratar de forma bastante eficaz, as depressões leves e moderadas, sem efeitos colaterais.

acupuntura e depressão

Sintomas de Depressão

Nos dias de hoje o número de pessoas que se queixam de sintomas de depressão é muito grande. Abaixo vou listar alguns dos sinais e sintomas presentes nos vários tipos de depressão.

  • Humor depressivo ou irritabilidade, ansiedade e angústia
  • Desânimo, cansaço fácil, necessidade de maior esforço para fazer as coisas
  • Diminuição ou incapacidade de sentir alegria e prazer em atividades anteriormente consideradas agradáveis
  • Desinteresse, falta de motivação e apatia
  • Falta de vontade e indecisão
  • Sentimentos de medo, insegurança, desesperança, desespero, desamparo e vazio
  • Pessimismo, ideias frequentes e desproporcionais de culpa, baixa autoestima, sensação de falta de sentido na vida, inutilidade, ruína, fracasso, doença ou morte.
  • A pessoa pode desejar morrer, planejar uma forma de morrer ou tentar suicídio
  • Interpretação distorcida e negativa da realidade: tudo é visto sob a ótica depressiva, um tom “cinzento” para si, os outros e o seu mundo
  • Dificuldade de concentração, raciocínio mais lento e esquecimento
  • Diminuição do desempenho sexual (pode até manter atividade sexual, mas sem a conotação prazerosa habitual) e da libido
  • Perda ou aumento do apetite e do peso
  • Insônia (dificuldade de conciliar o sono, múltiplos despertares ou sensação de sono muito superficial), despertar matinal precoce (geralmente duas horas antes do horário habitual) ou, menos frequentemente, aumento do sono (dorme demais e mesmo assim fica com sono a maior parte do tempo)

A presença de um ou outro destes sintomas não significa que a pessoa tem depressão, mas quanto mais sinais e sintomas estiverem presentes, maior é a chance de se estar deprimido.

Causas de Depressão

A depressão tem várias causas vou citar algumas apenas: stress intenso e/ou prolongado, mortes, separações, perda de emprego, dívidas, pós-parto, falta de exposição ao sol, genética entre outras causas.

 Aspectos Hormonais e Bioquímicos

Sabemos também que algumas glândulas estão envolvidas na depressão, como a tireoide, a adrenais e o hipotálamo.

Ao nível bioquímico observamos diminuição de neurotransmissores como a serotonina, dopamina e noradrenalina.

Tratamentos Naturais

Os tratamentos alopáticos são importantes e ajudam muito nas depressões, mas também existem muitos tratamentos naturais que podem ser usados em conjunto ou no lugar do tratamento convencional, dependendo de cada caso.

Dentre os tratamentos naturais podemos citar a homeopatia, a fitoterapia, a reposição de nutrientes como (triptofano, vitamina B2 e B6, tirosina e a fenilalanina que ajudam a regularizar os neurotransmissores e a acupuntura.

Acupuntura e os Tipos de Depressão

Na acupuntura a classificação das depressões é feita de acordo com o meridiano envolvido na depressão.

Quando meridiano afetado é o do fígado, a depressão está associada à raiva, mágoas e frustrações.

Se for o meridiano do pulmão o sentimento de tristeza profunda.

Se o meridiano afetado for o do rim o medo, a insegurança, a indecisão e a baixa autoestima estão presentes.

Quando o meridiano do baço-pâncreas está desequilibrado, as preocupações e os pensamentos fixos estão na raiz deste tipo de depressão.

Por fim, quando a ansiedade, a inquietação e agitação constantes levam à depressão, o meridiano envolvido é o do coração.

O tratamento em si, é feito com a inserção de agulhas em pontos específicos do corpo dependendo dos meridianos mais desequilibrados.

São feitas sessões semanais que variam de acordo com cada caso.

Texto extraído do livro “Mudança de Hábito Alimentar”.

acupuntura e depressão

**Apenas a especialidade de Homeopatia é atendida através da Unimed, nas demais áreas, os atendimentos são apenas particulares.

Formação e Pós-Graduação Médico formado pela Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp em 1981 Pós-Graduação em Homeopatia, pela Associação Médica Homeopática do Paraná Título de especialização em Homeopatia pela Associação Médica Brasileira de Homeopatia (AMHB) em 1990. RQE: 69860 Pós-Graduação em Acupuntura pela Escola Paulista de Medicina (Unifesp) Título de especialização em Acupuntura pelo Colégio Brasileiro de Acupuntura (CBA) em 1993. RQE: 69859 Livros Publicados “Mudança de Hábito Alimentar”, publicado em 1995, atualmente na 4ª edição “Emagrecer, porque só fechar a boca não resolve”, primeira edição em 2014. Áreas de Atuação Sócio proprietário da Clínica Salutaris, que foi criada na cidade de Campinas, SP em 1985. A nossa atuação se dá nas áreas, Homeopatia, Acupuntura e Medicina Ortomolecular. A proposta do meu trabalho, é através de um tratamento personalizado, considerando a individualidade de cada pessoa, não apenas tratar doenças, principalmente preveni-las. A busca pelo equilíbrio bioquímico e energético, é o melhor caminho para atingirmos um nível ótimo de saúde, e com isso ampliarmos ao máximo nosso período de vida saudável e encurtarmos o nosso tempo de doença. Este objetivo pode ser atingido através de várias estratégias, que vão da mudança de estilo de vida, de hábitos alimentares, eliminação de toxinas que nos fazem adoecer, chegando a suplementação de vitaminas, minerais, nutracêuticos e fitonutrientes. Terapias como Homeopatia e Acupuntura são ótimas ferramentas que tratarmos desequilíbrios de ordem mental e emocional, e podem ser utilizadas quando necessárias. Mudanças no estilo de vida, como atividade. Por fim, a proposta do nosso é tratar o paciente de uma forma individualizada, e o mais completa.

Deixe uma resposta